Dicionário e Enciclopédia Bíblica
O mais completo Dicionário Bíblico em Lingua Portuguesa - Mais de 2.600 termos e Nomes Bíblicos.Saiba os Significados de Nomes Bíblicos.


Abaixo clique na letra corespondente da palavra que procura para abrir o MENU


A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - Z

GERIZIM
Heb. Gerizzîn, de significado incerto.


Uma das mais altas montanhas da Palestina Central, com uma elevação de 881 metros. Situa-se a sul do Monte Ebal, do qual está separado por um vale estreito. Na saída ocidental deste vale situa-se a importante cidade de Siquém. O Monte Ebal chama-se agora Jebel et-Tôr e é uma montanha parcialmente estéril. Os Montes Gerizim e Ebal não possuíam qualquer tipo de arvoredo até 1920, altura em que o governo britânico plantou algumas árvores nas encostas a norte do Monte Gerizim. Deste modo, esta montanha parece agora mais fértil do que o árido Ebal. Moisés ordenou que, depois que os israelitas atravessassem o Jordão, se dirigissem aos Montes Ebal e Gerizim e que seis das suas tribos (Simeão, Levi, Judá, Issacar, José e Benjamim) permanecessem nas encostas do Monte Gerizim, pronunciando-se, a seguir, as bênçãos para aqueles que guardassem a lei de Deus (Dt 11:29; Dt 27:12, 13). Depois que os Israelitas invadiram Canaã, cumpriram esta ordem de Moisés (Js 8:33-35).

Para os samaritanos, o Monte Gerizim era sagrado e quando os judeus regressaram do exílio, os samaritanos construíram aí um templo. Josefo declara que este templo foi construído no tempo de Alexandre, o Grande. Terá sido erigido por Sambalate para o seu genro Manassés, que fora expulso do sacerdócio pelo seu irmão Jadua, sumo-sacerdote em Jerusalém. Ou Josefo confunde o tempo, dizendo que os dois homens mencionados e que viveram nos dias de Neemias (Ne 4:7; Ne 12:22), foram contemporâneos de Alexandre, o Grande (tendo este vivido cem anos depois), ou devemos presumir que existe uma coincidência de nomes e ocupações.

João Hircano destruiu este templo de Gerizim em 128 AC mas os samaritanos continuaram a utilizar este monte como o seu local de sacrifício e adoração, ainda o usando hoje em dia. Este culto foi mencionado pela mulher samaritana na conversa com Jesus junto ao poço de Jacó (Jo 4:20, 21).

Escavações levadas a cabo por M. A. Schneider no local tradicional do templo samaritano, que se situa no mais alto pico do Monte, só puseram a descoberto uma igreja octogonal cristã, construída pelo Imperador Zeno em 485 DC e a fortificação à sua volta, construída no século VI por Justiniano. Contudo, foi descoberta uma grande plataforma de pedras não talhadas, construída no período helenístico. Uma expedição americana descobriu-a em Tell er-Râs, o pico do Monte Gerizim mais a norte, durante as escavações conduzidas por R. J. Bull, entre 1964 e 1968. Esta estrutura poderá ser considerada como a fundação do templo samaritano. Por cima desta plataforma encontrava-se o que restou de um templo romano dedicado a Zeus Hipsisto, tendo sido construído pelo Imperador Adriano, no século II DC. Um conjunto de portas de bronze, que se diz terem pertencido ao templo de Jerusalém, foram utilizadas nesta estrutura romana, de acordo com fontes antigas. Uma escada com mais de 1500 degraus de mármore ia desde o vale até ao templo. O templo, assim como as escadas, está impresso em moedas desse tempo.



Programas Evangelicos Mensagens Evangelicas