Voltar ao menu Sermão 50 Sermão 52


    Escute o Pr. Neumoel Stina abordar o tema,

    Em busca dos perdidos

      Música - Arautos do Rei "Em nome de Jesus" (McHugh-Gaither-Patti, trad. Lima-Sonete-Costa Jr, arr. Costa Jr.)

      Duração: 12:38 minutos

    Para ouvir, é só clicar no icone acima, mas pra isso você precisa ter em seu computador o programa Real Player 5.0. Se você ainda não tem esse programa, faça hoje mesmo o download.

    Pr. Neumoel Stina
    A Voz da Profecia
    Caixa Postal, 1189 - CEP 20001-970 - Rio de Janeiro - RJ.
    Tel: (024)525-6000 / Fax: (024)525-6001 / Email: vp@sisac.org.br


Em Busca dos Perdidos

Hoje quero tratar de um assunto palpitante. Faz bem ao nosso coração pensar e sentir que Deus está profundamente interessado em Seus filhos terrestres.

O assunto está baseado em São Lucas capítulo 19 versos de 1 a 10. trata-se do encontro de Jesus com um homem chamado Zaqueu.

O Senhor havia entrado na cidade de Jericó e atravessava a cidade. A multidão arrarastava Jesus. E havia ali um homem que queria ver o Mestre. Este fato não chama muita atenção porque durante sua vida e ministério muitas pessoas buscaram ver Jesus.

O que chamou a atenção é que aquele homem era um dos maiorais dos publicanos. Ele era de pequena estatura, mas , muito rico, e por causa da multidão, saiu correndo à frente e subiu numa árvore, por onde certamente Jesus iria passar.

É certo que não conhecemos bem os planos de Deus para nossa vida, mas podemos pelo menos tentar nos colocar numa posição onde possamos ser alcançados por Jesus. E foi o que Zaqueu fez.

Deus em Sua sabedoria e povidência tomou todas as precauções para que pudéssemos ser salvos. É maravilhoso imaginar Jesus passando pela avenida, apertado pela multidão, e quando chega exatamente debaixo da árvore sobre a qual Zaqueu está, Jesus pára.

Toda a multidão para juntamente com Ele. Todos em silêncio querem ver e saber porque Jesus parou. Zaqueu que está no meio dos galhos da árvore nem consegue se conter ao ver Jesus bem de pertinho.

Ele pensa consigo mesmo: que privilégio o meu. Jesus parou bem aqui! De súbito, lembra-se de que é um maldito ladrão cobrador de impostos, odiado por seus próprios irmãos, seus concidadãos. Enquanto está pensando em sua vida como uma verdadeira tragédia, considerando-se um homem vazio, Jesus olha pra cima, em sua direção.

Zaqueu tenta se esconder no meio da ramagem, mas o olhar de Jesus não lhe permite. Mais do que isso, Jesus lhe dirige a palavrra e o chama pelo nome e diz: "Zaqueu, desce depressa, pois me convém ficar hoje em tua casa." Lucas 19:5.

Fico a pensar como Zaqueu deve ter se sentido quando ouviu Jesus pronunciar seu nome. Penso que uma corrente de energia passou por todo o seu corpo, por todo o seu ser. E mais emocionado ainda deve ter ficado ao Jesus dizer que era necessário ir à sua casa.

Zaqueu não se achou digno de receber em sua residência o Príncipe do Universo, O Rei dos reis, o filho de Deus. Não porque sua casa fosse simples, pelo contrário era um homem muito rico. Talvez porque se sentisse pecador.

A despeito deste sentimento, a Bíblia diz que Zaqueu desceu a toda pressa e O recebeu com alegria. Na verdade acho que Zaqueu saltou lá de cima.

Deve ter ido pra casa com um sorriso enorme nos lábios e com muita alegria no coração. Todo o povo ficou em suspense.

Como poderia Jesus, se hospedar na casa de um traiçoeiro? Ladrão do seu próprio povo? (Porque cobradores de impostos eram empregados dos romanos). O que a multidão não sabia é que as pessoas sadias não precisam de médicos, mas as doentes sim.

Jesus não repreendeu Zaqueu por ser um homem altamente desonesto. O próprio Zaqueu reconheceu que sendo amigo de Jesus, agora, deveria mudar de vida e antes que Jesus dissesse qualquer coisa Zaqueu tomou uma decisão. Resolveu dar metade dos seus bens aos pobres e devolver quadruplicadamente ao que foi defraudado.

Ao que Jesus replicou: Hoje houve salvação nesta casa. A verdade é que Jesus está interessado em procurar os perdidos.

Em Lucas 19:10 Ele diz: "Porque o filho do homem veio buscar e salvar o perdido." Deus sempre está à procura do pecador. Gên 3:9 "Adão onde estás?" I Reis 19:9 "O que fazes aqui Elias?"

Mas, há outra coisa bonita neste relato que não pode ser esquecida: A presença de Jesus mudou a vida de Zaqueu. Deus nunca espera que nos entreguemos a Ele depois de nos tornarmos santos e bons.

Ele espere que nos entreguemos a Ele tais como somos. É Ele quem vai nos transformar, nos modificar.

Talvez hoje eu esteja falando para alguma pessoa que está completamente distante de Deus. Lembre-se meu amigo, lembre-se minha amiga, Jesus veio buscar e salvar o perdido. Jesus está passando hoje e deseja pousar em sua casa.

Convide-O para entrar. Peça que perdoe seus pecados, porque por Seu amor Jesus nos salvou.


CLIQUE AQUI PARA IMPRIMIR ESTA PÁGINA


PÁGINA INICIAL
141114 - 2001/2014©JesusVoltara.com.br